terça-feira, janeiro 01, 2008

Fumo? Não, obrigado



Nova lei do tabaco entra em vigor a partir do dia de hoje. Dei uma volta por aí. Os sinais a relembrarem esta proibição são muitos, as pessoas olham-se atentas à procura de um infractor, os pulmões enchem-se de ar estejamos onde estivermos. Entrei e saí de cafés sem me sentir incomodada, sem ficar a cheirar a tabaco. Senti-me bem, senti-me aliviada, o ar que nos envolve está indiscutivelmente mais limpo e isso deixa-nos inevitavelmente melhores, mais bem dispostos e, até, menos irritadiços. É uma medida libertadora, que defende quem optou por viver sem a nicotina, livre de vícios e se via obrigado a partilhar do fumo dos outros, mesmo sem o desejar.

2 comentários:

José Eduardo disse...

Antes do mais, saudações!
(por ser o meu primeiro comment deste novo ano neste blog :P)
Esta medida já devia era ter entrado em vigor há muito tempo atrás! Era uma vergonha, uma falta de respeito e uma deselegância uma pessoa entrar num espaço e estar a levar com os residuos da combustão do tabaco dos outros. E está provado que os fumadores passivos sofrem mais na sua saúde do que os fumadores activos precisamente pelos fumos. Já andam para aí alguns a fazer petições para alterar a lei. Se querem estar num sítio onde se possa fumar, porque também têm esse direito, consagrado na constituição do nosso estado democrático, então que criem um espaço para não fumadores e que indiquem, claramente, que no "espaço tal", é permitido fumar. Até teria sido bonito ter começado 2008 com um comment (e um post no meu blog) com um assunto mais agradável mas a falta de respeito de uns leva à indignação de outros...
Beijinhos!

ANOCAS! disse...

TEM tooooooooooda a razao. eu so tenho 10 anos e ja fumo que chegue!