terça-feira, fevereiro 12, 2008

Travessia do deserto

Às vezes a vida reserva-nos autênticas travessias no deserto: sem água, sem comida, quase sem companhia e sem esperaça. Sentimos o corpo desfalecer a cada minuto que passa, desesperamos com cada miragem e com cada montanha que finalmente atravessamos, mas deparamo-nos com o mesmo amontoado de areia quente que não nos mostra o final desta caminhada. Já outros povos se viram nestas travessias e se desejaram para se encontrarem. Sim, porque o problema não é sermos encontrados, porque isso já fomos há muito tempo, o problema é encontrarmo-nos.

2 comentários:

*Lolla* disse...

Adorei o teu post...tem tudo de verdade...

Nuno Góis disse...

E mais não digo